Finanças

Como usar seu FGTS para comprar sua casa própria

A compra do primeiro imóvel é uma boa oportunidade para usar o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), recurso ao qual todos os trabalhadores sob regime da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) têm direito. Porém, o uso do FGTS só é permitido em circunstâncias especiais. Veja aqui como usar seu FGTS para a compra do seu primeiro imóvel.


Como usar o FGTS na compra da casa própria

Como usar o FGTS na compra da casa própria

Rendimento do FGTS

Com um rendimento de apenas 3% ao ano mais TR (o que dá um valor abaixo da inflação e da Caderneta de Poupança), o dinheiro sem movimentação do FGTS rende menos que a inflação, logo se desvaloriza. Portanto, não tenha dúvidas em usá-lo na entrada ou para amortizar o saldo devedor na compra da casa própria. É possível usar o FGTS uma vez a cada dois anos para esse fim.

Requisitos para o uso do FGTS na compra da casa própria

Confira alguns dos requisitos necessários para o uso do FGTS na compra do seu primeiro imóvel.

> O trabalhador precisa ter três anos de trabalho sob regime da CLT. Mas, atenção: não precisa ser consecutivo nem tão pouco ser no mesmo emprego para usar o FGTS.

> O imóvel deve se enquadrar no SFH (Sistema Financeiro de Habitação), ou seja, ter valor máximo de acordo com o que for estipulado pelo governo. Atualmente, este valor é de R$ 500 mil. Porém, verifique se não houve mudanças!

> O imóvel deve ficar no mesmo município onde o comprador trabalha e ser destinado à residência. Ou seja, o imóvel não poderá ser alugado ou ter fins comerciais.

> O comprador não pode ter outro imóvel em seu nome, no mesmo município onde pretende comprar o imóvel com o FGTS.

> O vendedor não pode ter adquirido a residência há três anos usando o FGTS.

Documentos necessários para resgatar os recursos do FGTS

> Autorização para saque de FGTS preenchida e assinada com firma reconhecida em cartório (geralmente o banco fornece um modelo).

> Extrato original e recente do FGTS, que pode ser solicitado em agências da Caixa Econômica Federal.

> Última declaração do Imposto de Renda.

> Documentos de comprovação de estado civil.

> Declaração do empregador provando que o comprador trabalha na mesma cidade onde está o imóvel.

> Cópia da CTPS (Carteira de Trabalho e Previdência Social).

> Comprovante de residência.

Estas exigências para uso do FGTS na compra do imóvel podem mudar um pouco em cada banco. Convêm conversar com o gerente para saber se há algum documento a mais ou a menos. E esteja certo: usar o FGTS na compra do imóvel será um bom negócio!


Leia também...

Como obter financiamento imobiliário?
Quase sempre quando resolvemos...
Nota Carioca: cadastro e benefícios
A Nota Carioca é uma nota fisc...
INSS Dataprev – Consulta do extrato de pagamento pela internet
A consulta de extrato de pagam...
Programa Minha Casa Minha Vida
O Programa Minha Casa Minha Vi...
Visa Vale Alimentação: informações completas
O Visa Vale Alimentação é um v...
Consórcio Chevrolet: informações úteis
O consórcio Chevrolet é uma da...
Ticket Alimentação Accor: saldo e como funciona
O ticket alimentação Accor é u...
Hering Store – Lojas e endereços
A Hering Store é uma marca de ...
Lei 8245: lei do inquilinato para leigos
A lei 8245 é a famosa lei do I...
Financiamento Imobiliário ou Aluguel do Imóvel. Veja prós e contras de cada modalidade
O que é mais vantajoso? Contra...
Cartão Magazine Luiza - 2ª Via da Fatura Online
Com o cartão Magazine Luiza Ma...
Como abrir uma microempresa: passo-a-passo
Quando alguém se pergunta em c...
Bookmark and Share

Deixe um Comentário